quarta-feira, fevereiro 14

"La devise du prince était : Je maintiendrai. À la fin de sa vie, il la compléta ainsi : Je maintiendrai l'honneur, la foy, la loi de Dieu, du Roy, de mes amis et moy."
Foi com estas palavras, alusão a Guilherme o Taciturno, que Jaime Nogueira Pinto terminou o excelente programa sobre António de Oliveira Salazar.
Aqui está outro tema de conversa.

9 Comments:

Blogger Je maintiendrai said...

E não é bonita a divisa, em toda a sua extensão?

10:32 da manhã  
Blogger MissPearls said...

É sim.
Coisas antigas.

3:10 da tarde  
Anonymous baducha said...

Não consegui ver o programa. Espero que repitam.

Então falemos de outro tema de conversa. O jantar.

Quando vi as dicas do Jansenista fiquei preocupada com o estacionamento. É realmente preciso ter atitude Zen para entrar com o carro na garagem.
Fez-me lembrar o estacionamento daquele carro amarelo de Miss Pearls no Corta- Fitas.
Ao tentar estacionar esse carro dei graças aos deuses que ninguém me estava a ver senão seria uma vergonha total, para já não falar que o meu seguro não cobriria tamanho estrago causado nos restantes carros ou na caixa de velocidades!
Folgo saber que Miss Pearls vai de autocarro e o restante faz a pé.

A Miss Pearls já se deu conta da indumentária do Je Maintiendrai. Que raio de 'Dress Code' é aquele?!
Quer dizer...o Jansenista escolhe um vestido para Miss Pearls que só falta ter gola alta... para agora o outro conviva ir naqueles reparos! Sinceramente!
Estou com receio imaginar qual será o 'Dress Code' escolhido por Jansenista...

4:42 da tarde  
Blogger definitivo said...

Excelente programa, Miss Pearls?!...
Para quem gosta do tipo - esta do "tipo" não tem nada de ingénuo, obviamente -, até poderá ver "naquilo" algo que tenha a ver com "excelência" mas...
Haja decoro! brincar aos "herois" com o dinheiro dos contribuintes???!!...
Naquela campanha eleitoral - sem aspas, claro! - "vote antónio oliveira salazar" "ligue 101 102 103" "custo da chamada 0.60 Euros", o meu nome não aparece nas letrinhas finais que correm todas para o mesmo lado, ou seja, para baixo e, no entanto, eu também produzi "aquilo"!...
Sem o meu consentimento. Era o que mais faltava eu contribuir para um peditório - sem aspas, está claro! - daquele tipo (assumo que "tipo" não é inocente).
Mas foi isso que aconteceu: naquela produção toda sobre a vida e "obra" do ditador (as minúsculas também não são inocentes), foi gasto dinheiro público. Com que direito?!.... Com que liberdade?!....
Eu digo: tudo isto é possível, Dr. Nogueira Pinto porque, ao contrário do que acontecia no "seu tempo", neste nosso tempo que também é seu - como se viu, aliás, no seu programa -, existe uma coisa que é fundamental para a felicidade de um cidadão: a liberdade de expressão.
Só por isso é que é possível fazerem-se programas deste género.

A minha opinião sobre o programa "vote salazar por apenas 60 cêntimos" é a seguinte: o retrato feito ao ditador, naquele programa, é um retrato absolutamente mentiroso. Ponto final.

1:43 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

"Excelente programa"!! Uma pessoa não cessa de pasmar...que tristeza.

5:25 da tarde  
Blogger MissPearls said...

Anónima da 5:25:
Você aqui de novo??? Uma querida.
uma tristeza mas uma tristeza democrática e transparente.

Não se pode dizer o mesmo de si, pois não?
Olhe, vá patrulhar outros blogs, sim?? São certamente mais interessantes que o meu.

6:10 da tarde  
Blogger MissPearls said...

Caro Definitivo,
Engana-se. Na História nunca há pontos finais. Há muitos pontos. De vista :)

Baducha,
Tantos nervos... :)

6:13 da tarde  
Blogger ariel said...

Miss Pearls, que distração a minha, não me tinha apercebido deste seu post, vi os morangos com chocolate e... ceguei. ehehhe. Vou-me repetir e deixar o mesmo comentário que já deixei no Jansenista sobre o documentário de Jaime Nogueira Pinto:
Desapaixonado,rigoroso, inteligente, convincente. Uma lição.

Até pra semana que vou ali a Madrid e já venho. O Prado e Tintoreto estão à minha espera.:)

1:53 da manhã  
Blogger definitivo said...

Miss Pearls, eu nunca me engano e raramente tenho dúvidas. Tal e qual o outro, e veja lá até onde ele chegou - mesmo a comer Bolo Rei daquela maneira!...

Mas claro que a História não tem pontos finais! Concordo consigo mas... pontos de vista, terá?...

O crente, diz: Eva nasceu de uma costela de Adão.
O pragmático, afirma: Eva e Adão nunca existiram.
O científico, descobre: quem primeiro pisou a relva do jardim do Eden foi o maroto do macaco.
Eu, digo: quem estragou esta coisa toda foi a macaca, quando comeu a banana que o macaco lhe ofereceu.

Como vê, Miss Pearls, há pontos de vista para todos os gostos. E se for preciso mais algum... inventa-se, pois então?...
Não somos nós, os seres humanos - ou macacos evoluídos, como quizer - uns inventores?...

Quem era o grande amigo de Jesus, Paulo ou Judas?...
E Madalena, era... ou não?...
E o sudário que era santo mas agora já não é?...
O copo por onde Jesus bebeu o seu próprio sangue, era de feito de terracota ou daquele material que tantos perigos fez correr a "Indiana Jones"?...

A sério, terá D. Afonso Henriques dado uma estalada à sua própria mãe, o desgraçado?...
E a padeira de Aljubarrota, matou mesmo sete "hermanos" ou... mais ou menos?...
E aquela estória "são flores senhor, são flores", deram para dar de comer a toda a gente ou... ficou tudo sem comer porque ninguém era vegetariano?...

Miss Pearls, pode a História ter diversas versões?
Posso mudar a História conforme as minhas convicções, gostos ou meros estados de espírito?...
Não é a História feita - apenas - de factos?...
Factos de facto!...

O que nos conta Fernão Mendes Pinto, aconteceu exactamente como os seus olhos viram, ou como o seu coração sentiu?...

Exemplo: o meu Benfica faz um jogo extraordinário contra o Boavista, as bolas não entram - milagre! dizem uns; isto foi bruxedo que fizeram! dizem outros - e, mesmo empatando, vou para casa convicto que o Glorioso tinha acabado de fazer um dos melhores jogos de sempre.

E o mesmo jogo visto por um boavisteiro?...
E por um portista?...
E pela minha mulher, benfiquista, que me chega a perguntar por quem joga o Nuno Gomes?...

Muitos pontos de vista... para um mesmo facto.
Qual a verdadeira estória do Benfica-Boavista que fica para a História?...


Miss Pearls, o meu "ponto final" queria apenas dizer que aquela estória ficava por ali.


PS: está a ver como sou um chato do caraças?

4:31 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker