segunda-feira, junho 2

3 Comments:

Blogger Xantipa said...

«Quand vous en serez au temps des cerises /Vous aurez aussi des chagrins d'amour.»
Adoro cerejas, mas dispenso os desgostos de amor...
Um abraço!

10:05 da manhã  
Anonymous ergela said...

Cheira-me que este ano nem em Castelo Branco vai haver, com esta intemperie de chuva lá se vai uma boa cereja carnuda e doce.

Aceite um beijo carissíma.

8:51 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Adoro as do Fundão! Essas "pérolas" maravilhosas da Cova da Beira!
Se as não houver por lá este ano, só mesmo nos MonChéri (cereja fornecida pelo Fundão, ora bem!).
Sandra

4:45 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker