segunda-feira, julho 16

Vidas deste mundo (I)

Uma simpática leitora informou-me de que este blog vinha referido na revista Happy deste mês com a indicação de “blogs que vale a pena espreitar: anónimos ou de pessoas mais ou menos conhecidas”. O artigo sugere igualmente a leitura de mais blogs como a Bomba Inteligente, Controversa Maresia, 31 da Armada, Abrupto, Um amor atrevido e As fadas também se enganam no caminho, entre outros, com referência ao nome dos autores ou ao seu anonimato, conforme os casos. “Tudo num discurso criativo que ajuda a reflectir”, é a forma como é retratado pela autora da reportagem. Simpatia a dela. Confesso que não conhecia a revista. Dirigida a jovens adultas, tem uma grafia agradável, muita publicidade a roupa, sandálias, maquilhagem e artigos sobre a aplicação de botox aos 30 anos, receitas light para bronzear, os prazeres do orgasmo, amores proibidos (grávida de um apaixonada por outro), astrologia e reportagem de fundo sobre a menina Bundchen. Tudo um novo mundo editorial que desconhecia e que não termina aqui. Pois a reportagem trata exactamente sobre outro novo mundo da blogoesfera, em especial sobre os blogs que são escritos por mulheres, “responsáveis pelo crescimento da blogoesfera “ e sobre a forma como os mesmos provocam alterações nas vidas das suas autoras. O artigo aborda os blogs numa perspectiva terapêutica (“podem ajudar a atravessar momentos de crise) e utilitária: “os blogs servem para desabafar de um quotidiano entediante, gritar bem bem altoa felicidade, partilhar os sonhos mais secretos, mostrar as gracinhas dos filhos e até para nos insurgirmos contra o que vai mal na sociedade”. Cinco páginas devidamente ilustradas com fotografias de uma ninfeta linda semi-embrulhada numa toalha, uma jovem de salto alto a limpar o chão da cozinha, uma loura a colocar laranjas sobre as sandálias, uma outra com um saco, portátil a tiracolo e olhar desconfiado, e ainda uma melancólica morena de olhar absorto. Todas jovens, frescas e maravilhosas, como só esta idade permite e o target identifica. A realidade não é assim tão colorida, feliz ou maravilhosa, mas já lá vou. (continua)

5 Comments:

Blogger ariel said...

"uma loura a colocar laranjas sobre as sandálias"...
Era fatal, Miss Pearls.:) Fiquei a conhecer essa revista no mês passado, estava no quatro de uma Estalagem/ Pousada onde passei uns dias no mês de Junho.
É tal e qual como diz. Para se folhear à beira da piscina não há melhor.
Abraço

:)

5:46 da tarde  
Blogger vieira do mar said...

Ai, vou já comprar. Beijinhos, Isabel. :)

9:36 da tarde  
Blogger MissPearls said...

Sofia
Ia agora colocar os links
Se não arranjares diz que cá em casa ficaram duas :)

Depois diz-me
A revista é engraçada, mas não para o meu "target" :)
:)

Ariel,
Sim. Folheia-se muito bem :)

9:44 da tarde  
Blogger @mm said...

"uma loura a colocar laranjas sobre as sandálias"? Enfim...

Não conheço a revista mas é sempre agradável ver o nosso trabalho reconhecido.
Parabéns, Miss.

10:28 da tarde  
Blogger MissPearls said...

Obrigada cara Alexandra. É sempre muito simpática :)

11:20 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker