quarta-feira, janeiro 16

Espada, florete e sabre

Ando há dias com um miserável post em draft sobre a esgrima, ou melhor, sobre torneios de esgrima que, de tempos a tempos, vão passando na televisão.
Enquanto não arranjo tempo para escrever sobre esta mistura de Três Mosqueteiros, O Homem da máscara de ferro e Errol Flynn, aqui fica um excerto do fantástico livro de Perez-Reverte, "El maestro de esgrima", no 2º aniversário do Je Maintiendrai :

"Don Jaime movió la cabeza, irónico e indulgente.
-La esgrima es como la comunión -amonestó con una sonrisa-. Hay que ir a ella en la debida disposición de cuerpo y alma. Contravenir esa ley suprema trae implícito el castigo.
-Diablo, maestro. Tengo que anotar eso."
Pérez-Reverte - "El maestro de esgrima"

5 Comments:

Anonymous Mike said...

Touché!

1:07 da tarde  
Blogger hfm said...

Um livro soberbo com uma caracterização única de personagens.

2:22 da tarde  
Blogger Je maintiendrai said...

Muito obrigado. "Touché" nos dois sentidos do termo.

9:53 da tarde  
Anonymous baducha said...

E eu estou doidinha para ler esse seu post (miserável :) sobre a esgrima, "ou melhor, sobre torneios de esgrima".
Mas não se apoquente Miss Pearls pois sou paciente e não tenho pressa.

11:23 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Miss

e o Zorro, e o Lagardére?

t

3:04 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker